Maria na Devoção Popular

Senhora da Guia

É freqüente nas cidades do litoral, encontrar-se capelas ou mesmo igrejas dedicadas a Nossa Senhora da Guia. Explica-se facilmente este fato, porque os navegantes a consideravam como padroeira. A ela se dirigiam antes de suas viagens suplicando feliz retorno e êxito no trabalho.

Guia, por quê? Baseando-nos sobre o evangelho de Lucas, Maria e José, além de alimentar, ensinaram ao menino Jesus, os primeiros passos. Como homem, ele aprendeu atitudes de pessoa honrada responsável. Mais tarde, quando percorria os rincões de Nazaré e outras cidades na evangelização do povo, empregou palavras de paz e amor, que ouvira no aconchego do lar.

Enquanto José trabalhava como carpinteiro, Maria transmitia a Jesus, os princípios da honradez. Na Grécia chamavam-na de “Odigítria” que quer dizer: “guia,” aquela que conduz.

Se Maria foi escolhida por Deus para orientar o Filho, muito mais nós devemo-nos deixar orientar por ela, que nos encaminhará ao final da existência. Assim pensavam os pescadores que confiantes na mãe de Deus, suplicavam auxílio não só para a salvação eterna, mas também a salvação temporal.

A devoção a Nossa Senhora da Guia é bastante difundida a ponto de ela ser escolhida padroeira, e também dar nome a muitas cidades ou paróquias. Assim, no Ceará, a diocese de Quixadá conta no rol das cidades “Guia”, Boa Viagem. Na circunscrição eclesiástica de Petrópolis, igualmente, acha-se a cidade denominada “Guia de Pacobaíba”, Magé.

O povo devoto dirige-se a Maria com a seguinte oração:
Ó Maria Santíssima, eu vos louvo e bendigo, porque aceitastes gerar em vosso seio puríssimo, por obra do Espírito Santo, Jesus, o filho de Deus, Salvador do mundo, tornando-vos a Mãe e a primeira discípula daquele que veio para ser a luz de todos os povos, o Caminho, a Verdade e a Vida.

Vós que levastes Jesus, ainda em vosso seio, para santificar João Batista no seio de sua mãe Isabel; vós, que protegestes o Menino Jesus, em seu nascimento, o amamentastes e lhe ensinastes os primeiros passos: protegei as criancinhas e guiai todas as mães, para que elas ensinem seus filhos a amar e seguir Jesus.

Ó Virgem bendita, guiai todos os meus passos, protegei-me em todos os perigos e livrai-me de todo o mal. E, em todas as circunstâncias de minha vida, mostrai-me Jesus, que é o Caminho que me conduz ao Pai, a Verdade que me liberta e a Vida que me salva.

Ó Virgem Santíssima, Nossa Senhora da Guia, abençoai e guiai o nosso Papa, o nosso Bispo, o clero e todo o povo de Deus. Convertei os pecadores e fazei que todos os homens e mulheres conheçam a Jesus Cristo, nele creiam e nele tenham a salvação. Amém.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: